O que é?
Onde se encontra?



Ter problemas é normal, as desordens emocionais não são necessariamente doenças...
                                                                 Lou Marinoff 


A duração da vida não passa de um momento,                      
a matéria é um fluir,
a alma é um turbilhão,
a fortuna fugidia ...
o que é que existe capaz de guiar um homem? ...
 a filosofia.
                                                             Marco Aurélio

                         

                          Em que consiste a filosofia prática?

            A filosofia prática é um aconselhamento, uma terapia para             os saudáveis.                                              (Peter March)

             É um modo de abordagem de problemas pessoais originados nas nossas vivências mundanas. Apoia-se no diálogo, na troca de ideias, na avaliação de padrões e visões do mundo... e na confiança.

                       A quem interessa ? 

                 O aconselhamento filosófico dirige-se a pessoas normais que, por qualquer circunstância inesperada da vida, vivem um temporário desassossego interior, mal-estar, ansiedade, vazio interior, sensação de falta de sentido, frustração...

                        Qual a finalidade do aconselhamento  filosófico?

               -Reencontrar-se o bem-estar próprio, o equilíbrio interior e relacional. 
                -Dar um sentido à existência mundana.

                         Qual a necessidade de aconselhamento filosófico?

                A filosofia não tem de ser aborrecida ou incompreensível, e sempre se debruçou ao longo dos tempos sobre questões que verdadeiramente nos interessam.

                Cada um de nós tem sua própria visão do mundo, isto é, a sua filosofia pessoal. Acontece que muitas vezes não temos tempo ou meios para organizarmos, assimilarmos ou entendermos, adequadamente, a lógica que preside ao inesperado da vida. Para isso existe o especialista em aconselhamento filosófico.

                E isso é importante?
                Absolutamente. Assim como pensamos, assim seremos. Para o bem e para o mal

     A consulta filosófica substitui uma  consulta ao psicólogo, psiquiatra, conselheiro matrimonial, psicanalista...?

      Trata-se de um tipo de aconselhamento diferente.
Exemplificando: imagine-se que uma pessoa está a jogar xadrez. Faz uma jogada. O psicólogo, psicanalista, psiquiatra... quererão saber o que está por trás da jogada. Quererão investigar o que no passado, próximo ou longínquo, dessa pessoa a condiciona a tomar aquela decisão.

               O consultor filosófico não. Se uma pessoa toma uma determinada decisão, então vamos analisar o que se segue: as opções, as saídas, as possibilidades, a solução ...

                          O que se pretende com uma consulta filosófica?

               É através do diálogo, e não de diagnósticos, que se:

- analisa os problemas de vida com a ajuda das ideias e orientações dos grandes   pensadores
- ajusta ideias e visões da vida
- dilui medos e tensões
- desperta os benefícios de uma auto-confiança reforçada, de um bem-estar pessoal e  relacional.   

                      É preciso saber-se filosofia para ir a uma consulta filosófica?

                - Não, de modo algum. Ninguém precisa de estudar biofísica para dar um passeio a pé, de estudar engenharia para montar uma tenda, ou de estudar economia para encontrar emprego. Do mesmo modo, ninguém precisa de estudar filosofia para desfrutar de uma vida melhor... ( Lou Marinoff )

           ...mas talvez precise de aconselhamento filosófico para a usufruir verdadeiramente.

 
                           Mas se a filosofia é essencialmente teórica, como pode resolver problemas práticos?

              O saber acumulado ao longo da história é um saber concreto, objectivo, acessível e tão real como os problemas do nosso quotidiano.
Porque não socorrermo-nos da inspiração e experiência dos grandes pensadores para resolvermos esses mesmos problemas de sempre?

                           Quanto tempo dura uma sessão ? 

              Uma consulta filosófica dura cerca de 50 minutos.


                           São   necessárias   sessões   intermináveis para   solucionar um problema?

               -Não. Pode ser suficiente 1 consulta, ou ser recomendável mais. Cada pessoa tern vivências diferentes e problemas distintos. O número de consultas é decidido pelo cliente, tendo em conta a sua sensibilidade própria, a profundidade do problema e as indicações do consultor filosófico.


                      ...Muitas pessoas andam aos tombos pela vida, sem saberem para onde vão, até chegarem à beira do abismo...                                                                       João Paulo II





 
Top